Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2010

Pe. Alvino

Imagem
Padre Alvino:

Sacerdote, amigo! Era capaz de fazer-se amigo e era amigo sem deixar de ser padre. O anúncio do evangelho através dos meios de comunicação foi à razão de seu sacerdócio. Através das ondas da rádio, derramava da “Fonte da Água Viva” o anúncio do Reino. Entre os paroquianos, entre os acadêmicos, nas cabeceiras dos leitos dos enfermos, nas celebrações, Pe. Alvino exercia com eloqüência e desenvoltura o dom precioso da oratória. Liturgo cuidadoso do bem sagrado! Pe. Alvino partiu sem dizer adeus, porém sua voz ecoa nas ondas do infinito e suas preces, por todos nós são derramadas diante do trono do altíssimo.
“Aqueles que passam por nós;
Não vão sós.
Deixam um pouco de si;
Levam um pouco de nós.”
(Saint-Exupery)

São João Damasceno e a Virgem das Três Mãos

Imagem
São João Damasceno
e a
Virgem das Três Mãos


27 de Março

“Eu não venero a matéria, mas o criador da matéria, que se fez matéria por mim e se dignou habitar na matéria e realizar minha salvação através da matéria”. (São João Damasceno)

A bela cidade de Damasco (Síria) pelo ano de 675 torna-se o berço natalício de um de seus mais ilustres filhos e também aquele que levaria o seu nome a todos os continentes: João Damasceno (de Damasco).
Seu nome de batismo era João Mansur. Seus pais eram árabe-cristãos, e gozavam de muito prestigio na cidade, alem de uma confortável situação financeira.
O pai de João era muito estimado entre os Sarracenos, que naquela época eram senhores do país, estima estendia-se também ao filho.
Por muito tempo pai e filho serviram como ecônomos do califa de Damasco e por ocuparem cargos tão importantes desfrutavam de inúmeros privilégios.
Nessa época Damasco já estava dominada pelos árabe-mulçumanos, e que acabavam de conquistar também Palestina. Por esse tempo o convívio entr…

São José

Imagem
Ide Todos a São José”
19 de Março

“São José escolhido pelo Pai para ser o guarda fiel e providente dos seus dois maiores tesouros: O Filho de Deus e a Virgem Maria, e ele cumpriu com a máxima fidelidade sua missão. Eis porque o Senhor lhe disse: ‘Servo Bom e Fiel! ’ Vem participar da alegria do teu sonho”. (Mt 25,21) (Sermão de São Bernardino de Sena).
No livro Gênesis 42,25 vemos que José do Egito filho de Jacó, ordenado que se enchessem as sacas de trigo pata saciar a fome de Israel... E provisões para o caminho de volta.
O Papa Leão XIII, na sua famosa encíclica de cinco de agosto de 1889, quando proclamou São José padroeiro da Igreja Universal fez a comparação entre estes dois grandes Josés dizendo: “Esses dois homens assemelham-se extraordinariamente, não apenas pelo nome, mas pelas virtudes e pelas suas vidas, ambas ricas em provações e alegrias”.

Quem foi São José!

Que o Messias havia de nascer da linhagem de Davi, era uma afirmação tão claramente expressa nos profetas que não havia…

Padre Cícero Romão Batista

Imagem
Padre Cícero Romão Batista

“O Santo do Sertão Nordestino”

O Brasil com suas características próprias, acolhe desde os primórdios de sua história as mais diversas manifestações religiosas. Somos um país católico onde a religiosidade popular é mais forte e poderosa que os poderes constituídos.
A Vida do Padim Ciço é um misto de fé e poder, um sertanejo carismático que por sua bondade e determinação, organiza uma comunidade e nela exerce o Ministério Sacerdotal e de líder político.

Quem foi Cícero Romão Batista?


Nasceu no Crato (Ceará) no dia 24 de Março de 1844, seus pais eram Joaquim Romão Batista e Joaquina Vicência Romana (D. Quinô).
O pequeno Cícero com seis anos de idade iniciou os seus estudos com o Prof. Rufino de Alcântara Montezuma.
Os estudos eram a paixão de Cícero, nutria uma grande afinidade com os livros, a vida dos Santos e dos Mártires o encantavam. Aos doze anos, influenciado pela leitura da vida de São Francisco de Sales, fez voto de castidade.
Quando completou dezesseis anos …

Santa Escolástica

Imagem
Santa Escolástica
10 de Fevereiro

“A irmã gêmea de São Bento”

Escolástica, irmã gêmea de São Bento, o grande fundador das ordens Monásticas no ocidente, nasceu em Spoleto, na Itália, no ano de 480.
Os Gêmeos foram educados com grande zelo; seus pais piedosos e tementes à Deus, eram mestres valorosos da moral e da fé.
Escolástica tornou-se uma jovem encantadora, seus olhos eram vivos e brilhantes; sua beleza e suas virtudes despertavam paixões.
Como o Irmão, nutria o desejo de dedicar sua vida exclusivamente ao serviço do reino. Bento tinha recentemente fundado o mosteiro no Monte Cassino, e em sua companhia viviam muito religiosos, que observavam a regra por ele elaborada.
São Bento mandou construir uma pequena cela perto do mosteiro e deu a Escolástica uma regra de vida semelhante a dos monges.
O estilo de vida de Santa Escolástica atraiu um grande numero de jovens, desejosas em viver a regra de São Bento. Um mosteiro foi construído em grandes proporções para bem acolher tantas noviças.
Em po…

A Virgem da Candelária

Imagem
A Virgem da Candelária
02 de fevereiro

Eis que vens ó Maria! Trazes contigo aquele que é a luz do mundo e, no entanto segues em procissão tendo nas mãos a doce e tênue chama de tua candeia.
- O teu destino? O Templo do Senhor!

A Tradição

Conforme o texto do livro do Êxodo 13,2. 12-13, o primogênito pertencia a Deus; e tinha que ser resgatado por meio de uma oferenda feita pelos pais. Na apresentação e purificação no templo, o povo judeu representado por Simeão e Ana, encontra aquele que será a glória de Israel e a Luz dos pagãos.
Maria Santíssima apresentou o pequeno sacerdote ao templo, pois ele seria “Sacerdote para sempre”.
Conforme nosso saudoso Papa João Paulo II; “Maria compreendeu então mais claramente o significado do gesto da apresentação. Oferecer o seu filho era expor-se voluntariamente à espada. Comprometida pelo “Sim” da anunciação e disposta a chegar até o fundo no dom de si à obra da salvação, Maria não recuou perante a perspectiva do grande sofrimento que lhe era anunciado”.
A…