Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015

Maria Nossa Mãe e Nossa Senhora:

Imagem
“Eis que  finalmente voltou o Mês da linda Mãezinha...” Assim escreveu São Pio de Pietrelcina, no início do mês de Maio.
A tradição nos lembra que o mês de Maio é chamado, também, de mês das graças e das Glorias de Maria.Quem bem celebra o mês de maio, agraciado há de ficar. Somos herdeiros dos costumes e das tradições Européias, e lá, no mês de Maio é primavera e portanto o mês das flores, e MARIA sempre chamada de Rainha das Flores, a ROSA MISTICA do jardim do SENHOR.
No ano de 1965, o PAPA PAULO VI(BEATO) escreveu: “Porque o mês de Maio traz esta poderosa chamada a uma intensa e confiante oração, e porque nele nossos pedidos acham mais fácil acesso ao CORAÇÃO MISERICORDIOSO DA VIRGEM, foi feito uso  pelos nossos pré-decessores escolher este mês , consagrado a Maria para  convidar o povo cristão a orações públicas, cada vez que a IGREJA necessitasse ou que qualquer perigo ameaçasse o mundo”.
É de suma importância manifestar o nosso amor e nossa devoção a MÃE DO SENHOR, São Luiz Maria Gr…

São Bento José Labre

Imagem
16 de abril
O Mendigo de Cristo
Em Amettes, próximo a Arras, na França, no dia 27 de Março de 1748 nasce Bento José Labre, o primeiro de uma prole de quinze filhos. Seus pais eram modestos agricultores, porém, generosos e tementes a Deus. Bento, assim como os outros irmãos, estudou numa escola rural. O pouco estudo lhe rendeu muitos valores. Aprendeu o latim com um irmão de sua mãe, e logo cedo sentiu o despertar do servir a Deus. Desejava ser monge trapista. Quando completou 18 anos, com o consentimento dos pais, ingressou no convento trapista de Santa Algegonda. Sua permanência foi curta; os monges não o aprovaram. Não se dando por vencido, viajou centenas de quilômetros, debaixo de um rigoroso inverno, até a Normandia, onde pediu admissão no convento cisterciense de Montaigne. Não obteve autorização para ingressar. Por mais duas vezes, Bento José ainda tentou ingressar em mais dois conventos: o dos cartuchos de Neuville e o de Sept-fons, e em nenhuma das duas vezes obteve sucesso. O …